fbpx

5 dicas essenciais para iniciantes em Motion Design

Então, você é um novato ansioso para aprender Motion Graphics? Ótimo, prepare-se para explorar um mundo profundo onde seus músculos criativos e imaginação serão levados ao limite. Há tantas coisas para aprender e aproveitar, que no início pode parecer esmagador.

O Layer Lemonade está aqui para ajudar, e embora haja uma vida inteira de oportunidades de aprendizagem, há um punhado de dicas úteis para que você corra na direção certa.  Por isso, reunimos 5 dicas essenciais para iniciantes, e prometemos não ensinar-lhes tudo isso em 2 semanas.

Habitue-se com o meio

Uma ótima maneira de entender melhor como funciona o Motion Design é dar uma olhada no que as pessoas ao seu redor estão fazendo. Dê uma volta no Vimeo e veja o que a comunidade está aprontando, que estilo estão criando; dê uma olhada em estúdios de ponta como Buck, Psyop, Giant Ant e procure por artistas brasileiros (como Mau Borba, Ariel Costa, Thiago Maia, Henrique Barone – só pra citar alguns), para ter uma noção do que nossa gente é capaz de fazer.

É uma ótima ideia fazer uma lista de estúdios que gosta e verificar regularmente seus sites e mídias sociais para atualizações. Você também pode dar uma sacada no Motionographer, um site de curadoria que destaca o melhor do que está saindo no mundo do Motion Design; e não esqueça do FLUXO, nosso post semanal com as 10 melhores animações da semana.

Estude, estude e estude

A melhor maneira de aprender Motion Design é assistindo e copiando alguém. Eu disse copiar, não plagiar. Há toneladas de tutoriais gratuitos ou pagos online que cobrem de tudo, desde o básico do After Effects até técnicas de animação muito específicas.

Enquanto muitos dos recursos pagos oferecem grande conteúdo, você pode muito bem começar com a infinidade de tutoriais gratuitos. No YouTube, em português, temos o Pedro Aquino FX que é carregado com todos os tipos de tutoriais; o AEDicas – comandado por Adriano Dorow Darosi -, e claro nosso Lemonade XPRESS com tutoriais, entrevistas e podcasts.

Se língua não é barreira pra você, então caia pro ECAbrans ou Mt. Mograph, ou ainda o canal de Ema Colombo – com dicas excelentes pra animação de personagens -, ou o canal de Sander van Dijk. O Motion Array tem uma seção de tutoriais crescentes, muitos de After Effects, bem como Adobe Premiere.

Procure por tutoriais relacionados ao que quer aprender, ou aprenda do zero pra crescer melhor.

Lembre-se disso: é realmente útil para aprender técnicas copiar o que é feito em um tutorial, mas para ser verdadeiramente bom no que se faz, você precisa ser original. Não tente usar literalmente o que aprendeu em um tutorial como se fosse seu. Use-o como uma ferramenta para aprender, então expanda e altere o que aprendeu ao criar seu próprio trabalho.

Use templates, mas apenas para disseca-los

Às vezes, começar um projeto de Motion do zero é trabalhoso a beça, mas existem formas de se contornar isso.

Considere a possibilidade de usar templates de After Effects, e disseque-os para aprender as técnicas que foram utilizadas para realizar um efeito ou animação. Existem muitos sites que oferecem templates para venda ou 0800.

Aprenda as Regras, depois aprenda a quebrá-las

O design é, até certo ponto, subjetivo. O que uma pessoa gosta, outra não. Mas isso não significa que todo o design é bom, ou que a falta de design é aceitável.

Ao longo de centenas de anos, criamos coletivamente uma série de regras para um bom design. Estas incluem coisas como técnicas de composição, paletas de cores, hierarquia e diretrizes de legibilidade.

E como essas técnicas foram implantadas em inúmeros projetos, alguns dos melhores designers aprenderam a quebrar essas regras para criar um trabalho novo e empolgante. Mas a chave é que eles aprenderam primeiro as regras para que pudessem aprender a quebrá-las da melhor maneira.

Aproveite o tempo para aprender os conceitos básicos de design. Confira sites como Kuler para paletas de cores, e procure artigos sobre composição para aprender o básico. Em seguida, aplique o que aprendeu e veja como pode distorcer essas idéias em algo novo.

ABC da tipografia

Não há dúvida que qualquer Motion Designer anima tipografia a todo momento. Na verdade, você provavelmente criará e animará tipografias mais do que pode imaginar. Assim, é absolutamente importante que aprenda o ABC da tipografia.

Novamente, existem grandes recursos para se aprender online e muitos são gratuitos. Um ótimo lugar para começar é practicaltypography.com. O Practical Typography é um livro online gratuito, que descreve todas as regras da boa tipografia. Abrange a composição de tipos, a formatação e a seleção da fonte.

Então é isso, e se você é um artista avançado e tem mais alguma dica, compartilhe nos comentários!


FONTE – Lesterbanks

Comentários

comments